Corrida - TRT Goiás  2012 - Corrida - TRT Goiás  2012 -

Corrida - TRT Goiás 2012 -

Autor: Núcleo de Comunicação Social do TRT de Goiás

Cerca de 1,2 mil atletas participaram da Corrida TRT
Goiás 2012 e elogiaram a organização do evento

    A Corrida TRT Goiás 2012 realizada ontem, 25/11, foi um sucesso com a participação de 1.280 atletas. Este ano o TRT organizou o evento em prol da saúde e segurança no trabalho chamando a atenção da sociedade para o alto índice de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais no Brasil e em Goiás. Para o presidente do TRT, desembargador Mário Bottazzo, são duas grandes ideias que precisam ser passadas com a realização da corrida: a de incentivo à saúde e a lembrança de que somos um país injusto que precisa cuidar da dignidade dos seus trabalhadores. “Somos a 6ª potência mundial, não podemos ser um país rico e não sermos justos, isso é inaceitável, e a forma de acabar com o enorme número de acidentes no trabalho é cuidando e zelando pela saúde do trabalhador”, ressaltou.
    Os atletas elogiaram a organização do evento que contou com os percursos de 4km e 8km. O desembargador Breno Medeiros, que conquistou o 1º lugar nos 4km, na categoria juízes, ressaltou que a corrida dá o exemplo para a promoção da saúde. “Se o trabalhador está buscando saúde, ele tende a produzir mais e está menos sujeito às doenças ocupacionais e acidentes”, disse. Já o subprocurador do Trabalho, Edson Braz, disse que a corrida do TRT fica reservada em sua agenda. Ele já participou de mais de 50 corridas de rua, ganhou várias medalhas, e participou dos 8 km desse domingo. “É uma corrida importante pelo significado, pela integração social e motivacional do aprimoramento físico dos servidores”, disse o subprocurador que também destacou que o evento desperta a consciência do cuidado com a saúde. “Eu sou piolho de corrida, falou que tem corrida eu tô nela!”, concluiu.
    A atleta Daiane Barros, de 27 anos, conquistou o 1º lugar, na categoria 8km, geral. Ela comemora 12 anos de corrida e elogia o percurso. “Maravilhoso e bem marcado, só um pouco doído no final por causa da subida, mas é bom para avaliar o desempenho e fazer um treinamento correto”, afirmou. Vani Rodrigues do Santos, de 54 anos, também comemora a medalha pelo 1º lugar na categoria 4km, geral. Ela disse que começou a praticar há um ano e só há uma semana com treinador. “É bom demais!”, frisou.
    Raison dos Santos, de 20 anos, também comemora a conquista do 2º lugar, na categoria 8km, geral. “A subida forçou um pouco mas o resultado foi satisfatório”, comenta o atleta orgulhoso com a medalha no peito. A servidora Tânia Cruvinel também conquistou o 2º lugar, na categoria 4km, geral, e disse que não praticava nenhum esporte até a um ano atrás. “Foi graças ao incentivo do Tribunal que hoje estou aqui, conquistando mais uma medalha”, conta a servidora que já participou de duas corridas do TRT.
    O diretor regional Centro Oeste do Bradesco, Delvair Fidêncio de Lima, disse que a iniciativa do TRT é importante porque estimula a prática do esporte. “Também mostra a preocupação da instituição com a saúde e segurança do trabalhador que precisa da atenção de toda a sociedade”, enfatizou. Já o diretor-geral do TRT, Álvaro Resende, assinalou o sucesso da corrida que já faz parte do calendário de eventos de Goiânia. “A quantidade de atletas inscritos e os 400 'pipocas' foram extraordinários. E é importante que a sociedade tenha acesso ao TRT, é uma oportunidade de conhecer o Tribunal. Estamos recebendo em casa e recebendo bem”, assinalou o diretor-geral.
    O desembargador Elvecio Moura também salientou que a Corrida TRT Goiás já se tornou um marco não só do TRT mas de Goiânia pelo número de inscrito e pela quantidade de pessoas que prestigiaram o evento. “O tema da Corrida deste ano é da maior importância e tem por objetivo conscientizar empregados e empregadores sobre a responsabilidade da prevenção pois acidentes não acontecem, eles são provocados”, disse.
     O presidente da Amatra XVIII, juiz Platon Neto, elogiou a organização e participação dos juízes e servidores do TRT. “A estrutura montada foi excepcional e desejo participar das próximas edições”, finalizou.
    A Corrida TRT Goiás 2012 também conseguiu arrecadar mais de 2.000 caixas de leite longa vida que serão doados a instituições filantrópicas. Todos os resíduos gerados pelo evento foram recolhidos pela Indicom Ambiental e passarão por processo de incineração e decomposição térmica, não gerando nenhum prejuízo ao meio ambiente.

CLASSIFICAÇÃO GERAL PREMIAÇÃO GERAL

4Km Feminino
1º Lugar – Vani Rodrigues dos Santos
2º Lugar – Tânia Almeida Silva Cruvinel
3º Lugar – Patrícia Albernaz

4 Km Masculino
1º Lugar – Antônio Ribeiro Gercinda
2º Lugar – Victor Arrais e Sousa
3º Lugar – Vilmar Garcia Barbosa Júnior

8Km Feminino
1º Lugar – Daiane Aguiar Barros
2º Lugar – Janivan Lima da Silva
3º Lugar – Rosemeire de Oliveira Sousa

8Km Masculino
1º Lugar – Paulo Sérgio dos Reis Carvalho
2º Lugar – Raisom dos Santos Ramos
3º Lugar – Luiz Antônio Campus Júnior

ATLETAS DO TRT

SERVIDORES

4 Km – Feminino 40-99 anos (Servidor)
1º Lugar – Tânia Cruvinel
2º Lugar – Leticie Passos Borges
3º Lugar - Norma Lilian Gomes de Moura

4 Km – Masculino 40-99 anos (Servidor)
1º Lugar – Adolfo Medeiros
2º Lugar - Ronaldo Barbosa da Silva
3º Lugar – Auro Henrique Sandes Rocha

4 Km – Feminino 1-39 anos (Servidor)
1º Lugar – Tatiane Balduíno Soares
2º Lugar – Lucimar Leles do Amaral Ferro
3º Lugar – Ludmila Feilenberger de Oliveira

4 Km – Masculino 1-39 anos (Servidor)
1º Lugar – Leandro Cândido Oliveira
2º Lugar - Carlos Antônio Moura

 

8 Km – Feminino 40-99 anos (Servidor)
1º Lugar – Lúcia Maria Teixeira da Costa
2º Lugar – Rossana Fleury e Souza
3º Lugar – Denise de Sene

8Km – Masculino 40-99 anos (Servidor)
1º Lugar – Marcos Balduíno
2º Lugar – Paulo Márcio Castilho de Sousa
3º Lugar – Túlio César Ferreira Lucas

4 Km – Masculino 40-99 anos (Magistrado)
1º Lugar – Breno Medeiros
2º Lugar – Celso Moredo Garcia
3º Lugar – Marcelo Nogueira Pedra

8 Km – Masculino 1-40 anos (Magistrado)
1º Lugar – Platon Teixeira de Azevedo Neto